LPM
LPM

Um passeio pelo Parque Nacional do Jaú

26 de dezembro de 2018
AmazonasEu Vivo

A Amazônia é com certeza um dos destinos com mais aventura de todo o mundo. Por ser a maior floresta tropical do planeta abriga verdadeiros tesouros para quem gosta de estar em meio a natureza.

Um bom exemplo disso é o Parque Nacional do Jaú, localizado na Amazônia, o parque é lar de árvores que alcançam mais de 35m de altura, diversidade que chega a 200 espécies por ha, três grandes rios e uma infinidade de pequenos igarapés de águas negras.

Ele é considerado o maior parque florestal de água doce do mundo e foi declarado pela UNESCO “Patrimônio Natural da Humanidade”. A Expedição Katerre oferece um roteiro de cinco dias para conhecer a fundo as maravilhas desta região, indicada para o ecoturismo e que quase não tem mosquitos.

O passeio começa no município de Novo Airão, onde é possível explorar o arquipélago de Anavilhanas. Aqui, o turista observa espécies como Botos Tucuxi, Cor-de-Rosa, de aves de época, como Maguari e Garças, além de tomar um banho com boias no Rio Negro.

A exploração segue e diversas paradas são feitas no caminho para a total imersão da região pelo navegante. Com isso, ele pode conhecer uma comunidade indígena, onde realiza um intercâmbio em língua nativa Tukano e tem contato com o modo de vida e costumes tradicionais, pode mergulhar de boia ou até mesmo fazer um City-tour por Novo Airão, para conhecer o artesanato, as oficinas de artesãos e atrações da cidade. Durante a expedição é possível observar espécies típicas do local.

Por exemplo, ao navegar pelo Rio Jaú, rio de águas espelhadas, é provável a visualização de aves e mamíferos aquáticos; ao chegar na Comunidade do Aturiá, realiza-se um passeio noturno de canoa pelo rio, com focagem de jacarés e animais noturnos. Só lembrando que, dependendo se a época é de cheia ou de seca, as atrações do roteiro podem mudar.

A maioria das refeições são servidas na embarcação e muitas vezes são compostas por comidas locais, para total afinidade do turista com o ambiente; o café da manhã, pode ser acompanhado de frutas, geleias, tapioca, tucumã, entre outras comidas típicas da região.

 

 

Leia Também
Comente com o Facebook
Deixe seu Comentário