Ma Chaves
Ma Chaves

A magia do La Seine Musicale

19 de junho de 2020
Eu GostoLugares Pela Europa

Inaugurado em 2017, a Seine Musicale é uma obra de arte da arquitetura moderna. A casa de espetáculos fica na Ilha Seguin, localizada em Boulogne-Billancourt uma cidadezinha a 8 km do centro de Paris. A Ilha sempre foi famosa pela lendária fábrica da Renault. A fábrica foi desativada em 2005 e desde então começaram a discutir o que fazer daquele espaço tão emblemático para a região. Nascia assim, esse grandioso projeto, dedicado a música clássica e contemporânea.

Foto: Mariana Chaves

La Seine Musicale e suas curvas

O complexo musical foi projetado pelo arquiteto japonês Shigeru Ban em parceira com o arquiteto francês Jean de Gastines. O prédio é banhado pelo Rio Sena e suas curvas acompanham as curvas da própria Ilha Seguin . O destaque é o domo envidraçado que fica no topo do prédio , redondo e vazado, com uma estrutura interna de madeira (foto) e com uma iluminação toda especial. Já a estrutura ao lado do domo, com formato de vela de barco, possui painéis de energia solar que se movem conforme a posição do sol, isso mesmo, ficam mudando de lugar , um efeito incrível ao longo de um dia ensolarado.

Foto: Mariana Chaves

La Seine Musicale , o templo da música

A Seine Musicale tem duas salas principais de espetáculo, a Grande Seine e o Auditório. A Grande Seine comporta de 2500 à 6000 pessoas e foi projetada para abrigar eventos maiores , grandes espetáculos. Um lugar para shows, festivais, comédias musicais, balés e eventos de empresas.

O Auditório é para concertos e têm 1150 lugares. Uma sala muito bonita, com detalhes em madeiras sobrepostas, formando colmeias e favos. A acústica foi projetada por dois dos melhores escritórios especialistas nesse tipo de projeto, o Nagata e Jean-Paul Lamoureux para garantir a melhor qualidade do som. As duas salas se completam, pois juntas fazem do lugar um verdadeiro santuário da música, agrupando diversas atividades culturais ao mesmo tempo, e promovendo a diversidade e a troca cultural entre diferentes gerações.

Auditório para concertos da Seine Musicale em Paris
Foto: Mariana Chaves
La Seine Musicale e o detalhe das paredes em madeira. Uma verdadeira obra da arquitetura moderna
Foto: Mariana Chaves

Além dessas salas principais, o lugar tem lojas, ambientes para ensaios de músicos profissionais e amadores, um estúdio de gravação e uma escola de música (A Maîtrise des Hauts-de-Seine). Salas menores também estão disponíveis para exposições e eventos privados. No quesito comida, restaurantes, bares, uma brasserie de cerveja completam a diversão. Tem pra todos os gostos, snacks, comidinhas, restaurante com pratos mais elaborados, bar de champagne e bar de cervejas artesanais feitas lá mesmo, com mesinhas na parte de fora, com ambiente mais descontraído.

O parque ou Jardim Bellini, como é chamado, fica no último andar. São mais de 7000 m de terraço com uma vista panorâmica da região. Sem dúvida um modo diferente de apreciar o pôr-do-sol. La Seine Musicale, conta também com uma orquestra residente, a Orquestra Insula. Incrível, né? E o valor disso tudo? 170 milhões de euros, divididos entre o governo e a iniciativa privada.

Realmente um centro de música completo e acessível a todos. Deu vontade de conhecer? Apenas um pulinho de Paris. Fique de olho na programação no site, pois tem sempre shows e espetáculos interessantes acontecendo.

Como chegar : De Paris pegue o Metro linha 9 e desça no ponto final na estação Pont de Sevres.

Leia Também
Comente com o Facebook
Deixe seu Comentário