Fernanda Bertin
Fernanda Bertin

4 cidades para curtir o carnaval uruguaio

04 de junho de 2020
Eu QueroLugares Pela América do Sul

Por mais de 50 dias, em desfiles de rua e palcos de bairro, são exibidos shows cheios de cores e alegria do carnaval uruguaio. Se deixar levar por esse ritmo declarado Patrimônio da Humanidade é um plano inevitável para os visitantes.

O ponta pé inicial é em Montevidéu com o Desfile Inaugural, na Av. 18 de Julio, e todos os grupos que participarão das festividades desfilam acompanhados de carros alegóricos e o cortejo à Rainha de Bateria. Logo vem os desfiles de Llamadas, nos dias 7 e 8 de fevereiro, também na capital. Em todos os departamentos do país, existem diferentes desfiles e shows festivos abertos a toda a família.


ARTIGAS NO RITMO DE SAMBA

O ritmo do samba, a cor das fantasias, as imensas alegorias e a beleza das mulheres transformam a avenida Lecueder (a principal da cidade), em um grande sambódromo. Após os desfiles, a festa continua nos principais clubes da cidade, com as tradicionais danças de carnaval que continuam até o amanhecer.

Os desfiles lembram os do Rio de Janeiro, embora com regulamentos, músicas e estilos próprios. A essência da proposta artística é o enredo, que sempre trata de algum tema sociocultural de interesse geral, previamente aprovado pelo júri. O show é apresentado ao ritmo do Samba Enredo, realizado ao vivo pelos chamados “puxadores”, acompanhado harmoniosamente por um corpo de percussionistas ou “Bateria”

Foto: Fernanda Bertin


DURAZNO E SEUS PRIMEIROS CHAMADOS DO INTERIOR

O “Llamadas de Durazno” é um dos desfiles mais importantes de todo o interior do país, exigindo a competição de mais de 30 grupos de negros e lubolos de todos os departamentos no sábado, 16 de fevereiro, na cidade de Durazno.

LA PEDRERA: FAMILIAR E DIVERTIDO

O Carnaval em La Pedrera recuperou o espírito com o qual nasceu: criativo, artístico, familiar e divertido. Na segunda-feira de carnaval (24 de fevereiro), à tarde, a avenida principal estará repleta de personagens coloridos, sendo as crianças as principais protagonistas. Depois, há uma grande festa de família e rua, com cabeçudos, malabarismo e bateria.

CARNAVAL DE MELO, COM “JEITO BRASILEIRO”


A capital Cerro Largo celebra o Carnaval com desfiles ao longo da rua principal da cidade, Aparicio Saravia, em um trajeto de 7 quadras, na qual estão instalados estandes nas duas calçadas no estilo Sambódromo. É influenciado pelo samba do Brasil e dedica-se um dia aos grupos de negros e lubolos e outro às escolas de samba.


Leia Também
Comente com o Facebook
Deixe seu Comentário